4 de agosto de 2021

PMB Notícias

Santana Jornalista

SOMOS SOLDADOS DO NOSSO BRASIL

Somos soldados do nosso Brasil’, diz Bolsonaro sobre candidatura com general

Chapa foi anunciada neste domingo. Chamou os comunistas PT e PSDB de ‘facção’

Jair Bolsonaro (PSL) oficializou general Hamilton Mourão (PRTB) como seu vice na disputa ao Planalto.

O candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) confirmou na tarde deste domingo (5.ago.2018) o nome do General Hamilton Mourão (PRTB) como seu vice na disputa ao Palácio do Planalto. A oficialização ocorreu durante a Convenção Nacional do PRTB, em São Paulo.

Ao discursar no evento, Bolsonaro declarou que, a partir daquele momento, ele deixava de ser capitão e seu candidato a vice de ser general. “No momento, deixo de ser capitão e o general Mourão deixa de ser general. Nós passamos a ser, a partir de agora, soldados do nosso Brasil”.

Segundo o militar, a aliança entre o PSL e o PRTB unirá forças para combater a polarização do PT e do PSDB.

“Não podemos mais ficar esperando qual facção vai continuar no poder, se é a do PT ou a do PSDB”, afirmou.

“Juntos, unindo forças, somando qualidade, nós temos como atingir esse objetivo. Eles podem ter muita coisa, mas só nós temos o povo ao nosso lado”, completou.

Bolsonaro foi ovacionado no evento aos gritos de “mito” e “1,2,3,4,5 mil, queremos Bolsonaro presidente do Brasil”.

DISCURSO DE MOURÃO

Em sua 1ª fala como vice-candidato a presidente, o general Mourão relatou a emoção de compor a chapa com Bolsonaro após receber o convite do candidato. “Podem ter certeza que em 46 anos de vida militar, tive inúmeros momentos da mais forte emoção, mas o que estou vivendo hoje ultrapassa tudo isso”, disse.

Segundo ele, a união com Bolsonaro terá o objetivo de defender a “integridade” do território brasileiro e da democracia.

“Estamos juntos por 1 valor maior. E qual é o nosso valor maior? O bem comum do povo brasileiro. A defesa da integridade do nosso território. A defesa da integridade do nosso patrimônio e de uma verdadeira democracia, onde haja oportunidade a todos e todos ascendam pelos próprios méritos e não por esmolas”, disse.

“A partir de hoje, iremos enfrentar tudo isso que nos assalta. Tudo isso que nos assola e nos perturba. A partir de 1 governo austero, honesto, sem corrupção, com eficiência gerencial e com relacionamento republicano com os demais poderes, ou seja, sem balcão de negócios”, afirmou.

DESISTÊNCIA DE FIDELIX

Na convenção, Levy Fidelix, então pré-candidato do PRTB, disse que abriu mão de sua candidatura pela união de Bolsonaro e do general por entender que “é a única solução” para melhorar o país.

“Diante desse caos, com a inversão de valores, com a família pisoteada. Não podemos deixar que a sociedade continue assistindo o desmanche nacional. Essa união PRTB e PSL é a única solução”, afirmou.

http://amigosdaguardacivil.blogspot.com/2018/08/somos-soldados-do-nosso-brasil-diz.html