• sáb. jun 22nd, 2024

PMB NOTÍCIAS

Tudo que você precisa saber, agora ao seu alcance.

Juíza anula prisão feita por policiais militares

Juíza anula prisão de pessoas encontradas com 38 quilos de drogas

Por considerar que as provas eram ilegais, a juíza Ana Carolina Bartolamei Ramos, do Foro Central da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, anulou a prisão em flagrante de duas pessoas que foram apreendidas com 20 quilos de maconha, 10 quilos de cocaína, oito quilos de crack e diversas balanças de precisão.

Policiais tiveram acesso a conversas de WhatsApp de uma terceira pessoa

As prisões ocorreram após policiais militares terem acesso, por meio de um celular apreendido em uma abordagem, a conversas de WhatsApp no celular de uma terceira pessoa.

A defesa foi feita pelo escritório Roberto Neves Advocacia Criminal.

Na decisão, a magistrada considerou que “houve violação da comunicação dos autuados no WhatsApp, sendo ilícita a devassa de dados e das conversas de WhatsApp, obtidas diretamente pela polícia em celular apreendido durante uma abordagem em flagrante, sem prévia autorização judicial”.

Segundo Ramos, “a visualização das conversas mantidas por meio do aplicativo de mensagens, sem que haja a autorização judicial para tanto, constitui flagrante ilegalidade e torna ilegal as suas prisões em flagrante”.

Por fim, a juíza ainda determinou que a Corregedoria da Polícia Militar verifique eventuais irregularidades e abusos na abordagem e prisão em flagrante dos acusados.

Clique aqui para ler a decisão

Processo 000321151.2022.8.16.0196

https://www.conjur.com.br/2022-set-11/juiza-anula-prisao-pessoas-encontradas-38-quilos-drogas

By SANTANA

Jornalista/ Bacharel em Ciência Política / Sociólogo/ Gestor em Segurança Pública e Policiamento / Pós graduado em Sociologia e Política de Segurança Pública

Deixe um comentário

Verified by MonsterInsights