Por Santana

Após enorme repercussão sobre o anúncio da compra de Fuzis para a Guarda Civil Metropolitana de São Paulo, o Presidente do Conselho Nacional das Guardas Municipais, Sr. Carlos Alexandre Braga, esclarece por meio deste comunicado, a legalidade e competências Constitucionais desta importante corporação policial. As Guardas Municipais, como agentes ativos do Sistema Único de Segurança Pública, necessitam estarem bem armadas e estruturadas para fazer frente à crescente onda de criminalidade nas grandes metrópoles. E desta forma, a sociedade e o Poder Público tem por obrigação dar total apoio e autonomia para o desempenho das atividades policiais destes valorosos profissionais.

Santana Jornalista / Bacharel em Ciência Política / Gestor em Segurança Pública e Policiamento / Pós graduado em Sociologia da Segurança Pública pmbnoticias.com

NOTA TÉCNICA DO CONSELHO NACIONAL DAS GUARDAS MUNICIPAIS

By SANTANA

SANTANA - Jornalista / Bacharel em Ciência Política / Gestor em Segurança Pública e Policiamento / Pós graduado em Sociologia da Segurança Pública

Deixe um comentário