Tribunal Penal Internacional não aceita receber senadores da CPI da Covid

Parlamentares não irão à Holanda, mas poderão entregar relatório final pela internet.

A cúpula da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia sofreu um revés nesta sexta-feira (10). Conforme noticiado pelo Conexão Política, os senadores planejavam uma viagem internacional para Haia, na Holanda, a fim de entregar o relatório final ao Tribunal Penal Internacional (TPI).

A Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado chegou a aprovar na quinta (9) um requerimento que previa a ida dos congressistas aos Países Baixos em janeiro de 2022.

Apesar da intenção de Renan Calheiros (MDB-AL) e companhia, a Corte enviou um comunicado afirmando que não receberá o grupo pessoalmente.

Segundo Randolfe Rodrigues (REDE-AP), o Tribunal reclamou da publicidade que foi dada quanto à possibilidade de visita dos parlamentares. No entanto, teria se colocado à disposição para receber o documento por vias digitais.

“Eles não acharam propícia a divulgação do primeiro aceno que fizeram e acho que também teve uma intervenção do governo brasileiro, mas eles se colocaram à disposição para receber o relatório, mesmo que não seja presencialmente, poderá ser feita a entrega por videoconferência”, declarou Randolfe ao O Globo.

By SANTANA

SANTANA - Jornalista / Bacharel em Ciência Política / Gestor em Segurança Pública e Policiamento / Pós graduado em Sociologia da Segurança Pública

Deixe um comentário