Por Santana

Projeto Absurdo!!

Para os nobres Vereadores de São Paulo, que apresentaram o projeto de lei 0416/21 os Princípios Constitucionais inerentes ao artigo 37 da Constituição Federal 88 só dizem respeito aos nobres agentes da GCM.. estranho isso.. por que somente instalar câmeras nos policiais da GCM?
Se há exigência Constitucional de publicidade e transparência, porque o interesse em instalar câmeras somente nos profissionais da GCM? E os demais servidores públicos?
Será que somente a GCM exerce função pública? E os demais servidores da saúde, educação, fiscalização, subprefeituras, CET, SPTrans, os próprios Vereadores.. estes Não exercem uma Função Pública? Estes não precisam ser fiscalizados?

Sessão na Câmara Municipal do dia 4 de Setembro, o painel indica 44 parlamentares, mas menos de vinte estão de fato no local.


Ou será que os princípios constitucionais inerentes ao artigo 37 da CF 88 só valem para a GCM?
Tenho certeza que a sociedade paulistana ficaria muito satisfeita em ter esse tipo de equipamento nos hospitais, escolas, subprefeituras, carros oficiais de todas as secretarias e do legislativo.. a transparência, impessoalidade e publicidade não vale para estes servidores públicos??


Eu como cidadão, gostaria de ver o empenho destes Vereadores para aprovar projetos de interesse da GCM, haja vista, esta corporação trabalha muito pelo município, arrisca sua vida trabalhando em locais perigosos/ insalubres e degradantes, exerce a função policial conforme o Susp e Lei Federal 13022/14, semelhante a que é exercida pelas policias militares.


E ainda, ao contrário de muitos parlamentares, os nobres agentes da GCM possuem o respeito e confiança da população, pois realizam um serviço essencial, de cunho preventivo e comunitário portanto, nobres Vereadores de São Paulo, Respeitem e Valorizem a GCM.

Santana Jornalista / Bacharel em Ciência Política / Gestor em Segurança Pública e Policiamento

https://pmbnoticias.com

By SANTANA

SANTANA - Jornalista / Bacharel em Ciência Política / Gestor em Segurança Pública e Policiamento / Pós graduado em Sociologia da Segurança Pública

Deixe um comentário